administração de projetos e constelação, Empreendedorismo sistêmico, Sem-categoria

Um projeto próspero necessita do masculino e feminino equilibrado

projeto

 

Um projeto nasce com um impulso masculino: eu quero! Eu vou! Eu faço! Yu-huuu! Assim como o espermatozóide corre loucamente atrás do seu lugar no óvulo, você deve ter tido uma ideia, e aí foi buscar um lugar sombreado, protegido, receptivo, adequado, para que a ideia fecundasse.

Mas, às vezes, não é assim que funciona. Lançou só a ideia e contentou-se com o primeiro ventre que surgiu. Alguém que não apóia. Não recebe. Não nutre. Bem… abortos podem ocorrer nesta fase. Muitos dos projetos não irão prosseguir. Nascem e morrem. Às vezes, nem nascem. Isso é sinal de que o feminino e masculino, dentro de si, estão desequilibrados. Traduzindo: papai e mamãe não se conversam. Há carência, e não vontade de crescimento. Falta de cumplicidade. Diálogo. Os planos a longo prazo são incoerentes. Ou é comum não haver plano a longo prazo. Porque não acreditamos em relação longa. Porque meus exemplos de relações longas são dolorid0s. Dolorosos.

Mas vamos imaginar:  o projeto foi gestado. O que é necessário? Antes de querer que dê frutos, é preciso cuidar do crescimento da criança. Vejo tantas e tantas pessoas querendo que jovens e infantis planos dêem luz a novos frutos. Tudo bem, é preciso ganhar dinheiro, atingir o público, ter reconhecimento, em um prazo adequado ao investimento que você fez. Mas como um projeto pode dar muito lucro, antes de se tornar adulto e suficientemente forte? Isso é incoerente. Se você não tem paciência para aguardar o tempo correto, pergunte-se: como estão meus sentimentos em relação à minha mãe? Será que só valorizo a força do meu pai, dentro de mim?

A sua mãe é muito importante. Neste momento, é importante tomar posse do seu feminino. Guardar sua criação. Proteger. Alimentar. Afastar quem queira pegar seu filhote. Ele é frágil. Precisa de cuidado. Carinho. Afeto. Calor do seu coração.

Vivemos numa sociedade carente. Onde as relações entre homem e mulher foram violentadas. Descaracterizadas. Desfragmentadas. E a ordem aprendida é: sucesso a todo custo! Mesmo que não tenha coerência. Procriar, mesmo sem amor! O importante são os resultados! O lucro! O reconhecimento…

Eu pergunto: para quê? Um projeto só é adequado quando podemos equilibrar a vontade masculina da multiplicação da espécie com o instinto feminino da conservação e proteção da espécie. É fundamental ao empreendedor conversar com o seu homem e mulher interior. E é claro que esta conversa irá ressuscitar a relação do papai e mamãe dentro de si. Se você é uma pessoa que deseja vencer a qualquer custo, irá reconhecer o masculino predador e que não está nem aí para a mulher ao seu lado. Eu faço muito. Crio muitos projetos. Tanto faz se a maioria morra. Eu continuo!

Mas se você é uma pessoa que se cerca de proteção, medo e falta de iniciativa, gesta projetos que sempre morrem, irá reconhecer o feminino adoentado e carente que tem medo de perder o pouco que conquistou. Prende tanto a sua criação, que ela agoniza em seus braços. Definha. Torna-se estéril, incapaz de multiplicar e gerar novas vidas. Você mata o masculino que o seu projeto necessita.

Assim, se você está querendo iniciar um projeto, ou já iniciou, pergunte-se: como está o meu feminino? Como está a minha capacidade de acolher em meu ventre um projeto? Proteger? Alimentar? Esperar o tempo para que o crescimento chegue, no momento oportuno? Lidar, em primeiro lugar, com o sentimento amoroso, e em segundo, com a praticidade da história?

E também pergunte-se: como está o meu masculino? A minha capacidade de empreender? Inseminar? Lançar novas ideias? Lutar, lutar, lutar e até morrer pela sua ideia? Não se envolver em questões emocionais, porque o que importa, é a sua sobrevivência? Ter lucro? Poder gerar novas vidas? Como está a sua capacidade de planejamento? Como está a minha capacidade de me relacionar com o mundo externo – fornecedores, parceiros, concorrentes, divulgadores?

Se está faltando (ou exageradamente descontroladas) as capacidades masculinas dentro de si – força, estrutura, limite, ataque, expressão… pergunte-se: como está a energia do papai, dentro de mim? Estou somente reconhecendo o homem fraco, ausente e incapaz? Ou o homem é símbolo do sucesso a qualquer custo, doa a quem doer?

O masculino e feminino andam unidos, num projeto de sucesso.

Lanço perguntas. As respostas estão com você. Da análise que você fizer das respostas, e da transformação que tiver coragem de exercitar, depende o sucesso, natural, do seu projeto.

Anúncios

Sobre alexpossato

Professor de constelação familiar sistêmica e terapeuta sistêmico

Discussão

2 comentários sobre “Um projeto próspero necessita do masculino e feminino equilibrado

  1. Alex, muito obrigado pelas mensagens. Não consegui fazer o curso contigo, com as mensagens, não fico totalmente desligada. Maria Nilza

    Enviada do meu iPad

    Publicado por Maria Nilza Pires | abril 27, 2016, 7:09 pm

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Se você não é usuário do Wordpress e deseja receber as atualizações deste blog, preencha o quadro abaixo com o seu email, e logo receberá uma confirmação para receber as nossas atualizações! Namastê!

Junte-se a 3.753 outros seguidores

Eventos Agendados

Nenhum evento

%d blogueiros gostam disto: